Archive for junho \14\UTC 2010

h1

Dependência de Deus!

junho 14, 2010

“Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e tudo o que há em mim bendiga o seu santo nome.
Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nenhum dos seus benefícios.
É ele quem perdoa todas as tuas iniqüidades, quem sara todas as tuas enfermidades,
quem redime a tua vida da cova, quem te coroa de benignidade e de misericórdia,
quem te supre de todo o bem, de sorte que a tua mocidade se renova como a da águia.
O Senhor executa atos de justiça, e juízo a favor de todos os oprimidos.
Fez notórios os seus caminhos a Moisés, e os seus feitos aos filhos de Israel.
Compassivo e misericordioso é o Senhor; tardio em irar-se e grande em benignidade.
Não repreenderá perpetuamente, nem para sempre conservará a sua ira.
Não nos trata segundo os nossos pecados, nem nos retribui segundo as nossas iniqüidades.
Pois quanto o céu está elevado acima da terra, assim é grande a sua benignidade para com os que o temem.
Quanto o oriente está longe do ocidente, tanto tem ele afastado de nós as nossas transgressões.
Como um pai se compadece de seus filhos, assim o Senhor se compadece daqueles que o temem.
Pois ele conhece a nossa estrutura; lembra-se de que somos pó.
Quanto ao homem, os seus dias são como a erva; como a flor do campo, assim ele floresce.
Pois, passando por ela o vento, logo se vai, e o seu lugar não a conhece mais.
Mas é de eternidade a eternidade a benignidade do Senhor sobre aqueles que o temem, e a sua justiça sobre os filhos dos filhos,
sobre aqueles que guardam o seu pacto, e sobre os que se lembram dos seus preceitos para os cumprirem.
O Senhor estabeleceu o seu trono nos céus, e o seu reino domina sobre tudo.
Bendizei ao Senhor, vós anjos seus, poderosos em força, que cumpris as suas ordens, obedecendo à voz da sua palavra!
Bendizei ao Senhor, vós todos os seus exércitos, vós ministros seus, que executais a sua vontade!
Bendizei ao Senhor, vós todas as suas obras, em todos os lugares do seu domínio! Bendizei, ó minha alma ao Senhor!”

(Salmos 103)

 

Começar esse post com esse salmo é ideal para conseguir transmitir o que meu coração anseia nessa tarde.

Bendizer ao Senhor (com pensamentos, sentimentos e atitudes), ter um coração grato e uma vida de louvor ao Deus que nos criou deve ser uma tarefa diária, para ser feita com muita alegria.

O que seria de nós se não fosse o amor de Deus?

O Senhor nos amou desde sempre. Ele nos formou no ventre das nossas mães com um amor inigualável. Não somos um acidente e em Salmos 139 está a definição disso.

Nosso fôlego de vida depende da permissão de Deus.

O pastor Paul Washer define muito bem o que somos quando citou em uma de suas pregações: “Somos apenas narinas cheias de ar, e nada nos garante que teremos a próxima respiração”.

Somos a coroa da criação de Deus, mas isso não nos torna superiores. Não somos nada além de seres completamente dependentes da misericórdia de Deus.

Fico pasma quando vejo pessoas pisando em outras, se achando melhores. Não suporto ver a idolatria de algumas pessoas com outras, só porque elas ‘aparecem’ na TV ou são conhecidas por causa de um talento. Basta uma doença para fragilizá-las ou uma situação para derrubá-las. Estamos vivos hoje, sem a certeza se estaremos respirando amanhã. Somos seres frágeis, sem super poderes, apenas meros mortais e ninguém pode ser nada além disso.

Não estou querendo menosprezar ninguém, pelo contrário, como ser-humano, estou me incluindo nessa definição.

A única coisa em que podemos nos gloriar é em conhecer o Senhor e ter o privilégio e a alegria de tê-lO presente em nossas vidas através do Seu Espírito Santo. (Jeremias 9:24 )

Ter o Senhor em nossas vidas não nos torna super-heróis, nem imortais ou poderosos, mas nos torna completos, nos dá a certeza da vida eterna, nos capacita com sabedoria, discernimento e força para enfrentarmos as lutas. Isso é suficiente!

A misericórdia do Senhor é a causa de não sermos consumidos. Por causa da morte e ressurreição de Cristo, podemos ser reconciliados com Deus e termos a vida eterna. A graça de Deus é de graça e está disponível para quem quiser. Essa graça nos basta (2ª aos Coríntios 12:9).

O dinheiro, ‘poder’, fama e valores materiais nunca poderão ser maiores do que os valores eternos.

Por causa de tudo isso e de muito mais, é que o único DEUS merece toda a nossa devoção, admiração, amor, entrega, adoração e louvor.

A copa do mundo reúne tantas nações e culturas diferentes, mas há um Só Senhor, Um Só Deus, Um Só Salvador, em que todas elas devem se prostrar, uma única bandeira que todas devem levantar: JESUS CRISTO, porque foi por todas elas que Ele morreu na cruz do calvário e ressuscitou ao 3º dia! Isso sim é uma grande taça, uma grande vitória, que nada nem ninguém pode tomar!

Bendigam ao Senhor todos os povos!

Que as nações se rendam a Ti, Rei dos Reis, Príncipe da Paz! O Seu domínio está sobre tudo e jamais terá fim!

Em louvor e gratidão àquele que vive e reina para sempre,

Lennara de Freitas.

(Itajaí, 14/06/2010, 14:50h)